Sou vegetariana por amor aos animais

Sou vegetariana por amor aos animais
COLHER OU MATAR, a escolha é sua
"Se os matadouros tivessem paredes de vidro
todos seriam vegetarianos."

(Paul e Linda Mc Cartney)



Seguidores

domingo, 29 de maio de 2016

Por que os coelhos merecem consideração especial


Por que os coelhos merecem consideração especialCoelhos sofrem terrivelmente nas mãos dos seres humanos. Estão entre os animais mais explorados e torturados do mundo:
- para o consumo de sua carne;
- pela indústria de peles, para a produção de casacos e outros itens de vestuário;
- para experimentação, onde são submetidos a toda variedade de testes, desde os toxicológicos ao estudo de doenças;
- para fins de entretenimento, como presente de Páscoa, como adereço em sessões de fotos,  forçados a atuar em shows de mágica, etc., para depois serem descartados;
- são a terceira espécie mais abandonada.
Espalhe a mensagem de que os coelhos, como todos os outros animais, não são nossos para comer, vestir, experimentar, para nos entreter, ou abusar de qualquer forma.

 Antes de adotar um coelho

É essencial se informar adequadamente e avaliar bem, antes de tomar esta importante decisão. É preciso saber que:
- Coelhos podem viver 10 anos ou mais, e seu tamanho e peso pode variar bastante, de 1kg a 10 kg ou mais, dependendo da raça.
- São territorialistas e necessitam de muito espaço para viver bem. Não podem, em hipótese alguma, passar suas vidas dentro de gaiolas.
- Coelhos precisam socializar, de espaço para se exercitar e brinquedos para se manterem entretidos.
- A companhia de um coelho não é para principiantes. Muita gente acredita que coelhos são mais simples de cuidar do que cães e gatos, mas quem já conviveu com eles sabe que podem precisar até de mais atenção do que outros animais.  Não são animais ideais para criar junto com cães e gatos (salvo casos onde é feita uma socialização cuidadosa). Também não são os animais mais adequados para o convívio com crianças pequenas, por serem muito frágeis e sensíveis .
- Coelhos necessitam de veterinários especializados, que podem ser mais caros e mais difíceis de encontrar do que aqueles que cuidam de cães e gatos.
- Ambientes externos podem ser perigosos para os coelhos, pois correm o risco de serem feridos ou mortos por outros animais, ou de serem expostos a algo que lhes seja tóxico.
- Por serem presas na natureza, estes animais tendem a esconder feridas ou doenças. Quando assustados, correm e saltam de tal maneira que podem se machucar. Por isso, é importante ficar atento à saúde do animal e tomar cuidado para não assustá-lo.
- Os dentes e unhas dos coelhos nunca param de crescer, e por isso precisam de brinquedos de madeira que possam roer. Também é preciso cuidado e atenção redobrada com objetos que o coelho possa roer e que sejam potencialmente perigosos, tais como fios elétricos.
- O animal deve ser castrado, principalmente se for conviver com outros de sua espécie: tanto por questões de saúde quanto para impedir a procriação.  Referências: Peta

Nenhum comentário:

Postar um comentário