Sou vegetariana por amor aos animais

Sou vegetariana por amor aos animais
COLHER OU MATAR, a escolha é sua
"Se os matadouros tivessem paredes de vidro
todos seriam vegetarianos."

(Paul e Linda Mc Cartney)



Seguidores

sábado, 30 de junho de 2012

Receita de manteiga de azeite com ervas


Receitinha de "manteiga de azeite"

Basta colocar azeite extra-virgem (acidez 0,3% e acondicionado em vidro escuro) com ervas em uma vasilha e levá-lo à geladeira. Pode colocar inicialmente no congelador, e depois na geladeira. O azeite de qualidade se solidifica em baixas temperaturas. Se o azeite não solidificar, ele pode estar batizado com outros óleos.

Algumas ervas são ótimas opções: manjericão, salsinha, alecrim, tomilho, orégano, entre outras. Variar as ervas

Fonte: Retirado da fan pageVida Ativa - Reeducação alimentar

quinta-feira, 28 de junho de 2012

PIEDADE E SACOLAS PLÁSTICAS


Clarice Villac

Em sua rota marinha,
atravessa oceanos,
Tartaruga confiante.
Porém os seres humanos
espalham sacolas plásticas,
qual caravelas fantásticas,
qual flutuantes enganos.
Ao chegar perto da praia
vê diferente medusa
bela antiga Tartaruga.
E, apesar de confusa,
ela engole a “água-viva”.
Pena que não sobreviva.
O plástico nos acusa.

terça-feira, 26 de junho de 2012

Quando foi que você se esqueceu disso?



Com a cordinha verde no pescocinho fica até mais fácil de VER!!!
É um animalzinho, gente !!!!
Quando você era pequenino, sabia disso ...
Aos poucos, "alguma coisa" foi acontecendo com você e, aos poucos, você esqueceu do que sabia com a sua sabedoria intuitiva de criança.
Não é culpa sua. Você foi "treinado" socialmente para se esquecer..
Quis "se inserir", foi des-educado na escola, não teve a chance de nascer numa família de vegetarianos.
Aliás, a maioria de nós cresceu assim, sem ninguém que nos abrisse os olhos.
Querendo ser "aceitos" socialmente, fomos aos poucos perdendo a nossa originalidade e sabedoria infantil.
Repetimos comportamentos, apenas porque os vimos e copiamos, muitas vezes sem pensar naquilo que fazemos e reproduzimos.
Se você chegou a ler até aqui, é porque provavelmente se importa e, possivelmente, tem uma pequena memória de quando era mais compassivo, mais inclusivo, no amor e admiração que um dia dedicou a tudo ao seu redor.
Pense na possibilidade de mudar seus hábitos com carinho.
Carinho pelos outros e carinho por você.
Um abraço carinhoso,
Norah André

sábado, 23 de junho de 2012

BUDA


"Feliz seria a terra se todos os seres estivessem unidos pelos laços da benevolência e só se alimentassem de alimentos puros, sem derrame de sangue. Os dourados grãos que nascem para todos dariam para alimentar e dar fartura ao mundo."
(Buda)

sexta-feira, 22 de junho de 2012

BATATA CROCANTE



Lave as batatas, corte em tiras finas, mantendo-as unidas na parte inferior (não aprofunde os cortes). Faça uma pasta de margarina ou azeite e os temperos e especiarias de sua preferência (alho, ervas finas, sal, azeite, queijo parmesão ralado, etc). 
Besunte a batata com a margarina temperada e leve ao forno 240° por aproximadamente 30 minutos. 

Bom apetite!

quinta-feira, 21 de junho de 2012

Matando bebês...Covardia de quem mata e de quem come

Isso é o inferno???
Para esses pobre bebês, é sim...
O vídeo real que passou na tv chocou os ingleses.
Mas porque as pessoas ficam chocadas ao assistir como se abatem animais, mas não param de comer a carne deles?

Assista ao vídeo aqui

terça-feira, 19 de junho de 2012

PROPAGANDAS ENGANOSAS

Um frango feliz mostrando sua própria carne para ser devorada ( propaganda enganosa)
Como deveria ser, a verdade...

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Paul McCartney celebra hoje 70 anos


Homenagem dos fãs ao Beatle vegetariano e protetor dos animais que completa hoje 70 anos

Paul McCartney celebra hoje 70 anos

Nascido a 18 de junho de 1942, o ex-Beatle continua a fazer música, tendo lançado um álbum este ano e tocado no Jubileu da Rainha. Leia perfil de Paul McCartney.

Paul McCartney, um dos músicos mais aclamados de sempre e membro dos históricos Beatles, completa hoje 70 anos.

Nascido a 18 de junho de 1942 em Liverpool, Inglaterra, "Macca", como é conhecido junto dos seus conterrâneos, militou também em grupos como os Quarrymen (onde conheceu John Lennon, com quem formaria os Beatles), os Wings (pós-Beatles) ou, mais recentemente, o projeto The Fireman.

Também a solo Paul McCartney, conhecido ativista dos direitos dos animais e uma das pessoas mais ricas do Reino Unido, tem uma obra longa e bem sucedida, desde o disco homónimo de 1970 a Kisses on the Bottom , lançado este ano. Também em 2012, Paul McCartney tocou no Jubileu da Rainha Isabel II e deverá marcar presença na cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos de Londres.

Paul é igualmente um vegetariano convicto e um ativista em diversas causas de nobreza inquestionável, mas ainda assim protagonizou alguns casos curiosos, como o seu famoso comentário "it's a drag" ("é uma chatice") acerca da morte de John Lennon. Mais tarde, Paul comentou que lhe faltaram palavras no momento em que foi "assaltado" por todos os repórteres, mas que realmente amava o seu antigo companheiro dos Beatles. 

Rui Miguel Abreu

Ler mais aqui:

domingo, 17 de junho de 2012

Campanha anti fofismo e anti crueldade



Botando alguns pingos nos iiiiis .....
Não precisamos de leis para isso.
Precisamos de VOCÊ e da SUA disposição.
O resultado é imediato, e não depende político nem ong nenhuma.


Fonte: Cadeia para quem maltrata os animais

sexta-feira, 15 de junho de 2012

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Rio+Veg na Rio+20



Rio+Veg e eventos relacionados na Rio+20
Confira a programação do movimento Rio+Veg e
eventos relacionados durante a Rio+20:

Dia 8, 14h30-16h
Youth Blast, SulAmerica Convention Center
Rio+Veg: Problemas éticos e ambientais de comer carne (Rio+Veg)

Dia 9, 9h-12h
Breakfast - World Bank Youth Group, SulAmerica Convention Center
The Rio+Veg movement and why this is a solution that can be put in practice now (Rio+Veg)

Dia 11, 14h30-16h
Youth Blast, SulAmerica Convention Center
Rio+Veg: The ethical and environmental issues of eating meat (Rio+Veg)

Dia 16, 16h30-18h30
Cúpula dos Povos, Aterro do Flamengo, Tenda t1a ("Aimbirê")
Destruição da Floresta Amazônica e Consumo de Carne (SVB)

Dia 18, 9h-11h
Cúpula dos Povos, Aterro do Flamengo, Tenda 5 ("Chico Mendes")
Seminário: por um novo paradigma alimentar (Rio+Veg)

Dia 18, 11h30-13h (requer credenciamento na conferência oficial)
UNCSD side event, RioCentro, Room T4
Beyond Rio+20: A Global Youth Movement for Sustainable Development (Road to Rio+20)

Dia 21, 9h-11h e 14h-16h  &  Dia 22, 9h-11h e 14h-16h
Cúpula dos Povos, Aterro do Flamengo, Tenda t2f ("Tarsila do Amaral")
Seminário e Oficina: Um novo olhar sobre alimentação - uma revolução necessária para a verdadeira Cultura de Paz (Rio+Veg)

Dia 21, 19h-20h & Dia 22, 17-18h
Cúpula dos Povos, Aterro do Flamento, tenda a confirmar
Performance "De quem é a culpa?" (Rio+Veg / Revolução da Colher)

Basta de testes em Animais!


segunda-feira, 11 de junho de 2012

Croquetes de palmito (receita vegan)



Ingredientes
8 colheres de palmito picados;
1 cebola pequena picada;
3 colheres de sopa de óleo;
1 pacote de tempero de legumes em pó (ou sal a gosto);
3 colheres de sopa de salsinha picada;
1 xícara de água + 1 colher de sopa de extrato de soja ou 1 xícara de leite de soja;
1 xícara quase cheia de farinha trigo (faltando 1 dedo para a borda);
1 colher de sopa de amido de milho (maisena);
meia xícara de água;
farinha de rosca.
Modo de Preparo
Aqueça o óleo e frite a cebola até que fique douradinha. Acrescente o palmito, o tempero (ou sal) e misture bem, deixe no fogo por uns 3 minutos e acrescente a salsinha. Adicione o leite (ou extrato de soja + água), deixe ferver e acrescente a farinha. Não pare de misturar, irá se formar uma massa firme mas macia. Deixe esfriar um pouco e enrole em formato de croquetes ou como desejar. Para empanar, misture o amido de milho com a água e umedeça os salgadinhos, passe na farinha de rosca e frite em óleo bem quente.

sábado, 9 de junho de 2012

Diga não aos circos com animais!


"O circo ensina as crianças a rir da dignidade perdida dos animais. Nesse caso, a 'humanização' dos bichos reflete claramente a falta de humanidade das pessoas projetada em um macaco de vestido, camuflada sob os risos."
Olegário Schmitt

quarta-feira, 6 de junho de 2012

Criação de Frangos

pintinhos vivos jogados no lixo

Assistam ao curta-metragem "Atave - A avicultura escancarada", para entender a triste foto.

O filme mostra a realidade da produção da carne e dos ovos de galinha com imagens inéditas de estabelecimentos de Pernambuco, capturadas entre dezembro de 2008 e fevereiro de 2009.

*O Atave foi selecionado para exibição no festival Comunicurtas (PB) e obteve o segundo lugar na 1ª Mostra Internacional de Cinema Pelos Direitos dos Animais (PR).

ASSISTA AGORA: http://www.youtube.com/watch?v=VdMFLTnvpmc

sábado, 2 de junho de 2012

Chicote e paraíso



(Ivana Maria França de Negri)

Que se lembrasse, desde quando era pouco mais que um potro, sua vida consistia em puxar carroças com cargas pesadas todo santo dia. Não tinha folga nem nos feriados e nem nos finais de semana.
Não tivera sorte com o dono, pessoa grosseira e insensível que não sabia ser amável com as pessoas, muito menos com animais, e apenas se preocupava em transportar o maior número de cargas por dia para amealhar mais dinheiro.
Jamais recebera um afago sequer, uma palavra de carinho que fosse. Mas sempre obedecia humildemente e fazia tudo direitinho para não desagradar o dono.
Quantas e quantas vezes o carroceiro esquecia-se de lhe dar água e o deixava salivando de sede sob o sol escaldante, a garganta seca pela poeira da estrada.
Em certas noites, o homem o deixava com os arreios, por pura preguiça, atando-o numa árvore longe do pasto.
Incontáveis vezes foi açoitado só porque o dono estava nervoso com alguma coisa e tinha que descontar em alguém, e sempre era ele o saco de pancadas.
Enquanto jovem, conseguia suportar as cargas e trotava velozmente, mesmo nas subidas íngremes para não ser chicoteado. Mas agora que estava velho e as forças lhe fugiam, não conseguia puxar, como antigamente, as pesadas cargas morro acima.
Naquele dia seu velho corpo fraquejou e os joelhos dobraram-se. O dono, fora de si, urrava: “Vamos preguiçoso! Isso é hora de descansar?” e começou a espancá-lo  sem dó e nem piedade.
O chicote zunia no ar e descia estalando no lombo. E mais e mais chicotadas lanhavam o dorso já gasto e com falhas de pelos. Não conseguia se levantar, as pernas fraquejavam e dobravam novamente. A visão turvou, e, exausto, deitou no chão o corpo franzino e judiado. O carroceiro vendo aquilo, começou a chutar-lhe o rosto e jogou um balde de água fria em sua face.
Mas já não estava mais ali, seu espírito abandonara a velha carcaça. Agora sentia-se leve, revigorado.
Conseguia trotar garbosamente e pastava numa campina muito verde onde havia uma cachoeira de águas límpidas e frescas. Podia correr livremente, sem arreios, sem freios, sem carroças, sem cargas para puxar. E sem chicotes!
Via outros animais livres e vigorosos como ele, trotando e saltitando felizes pelos campos.
Era o paraíso almejado, o céu dos animais!
Teria agora o merecido descanso por toda a eternidade...



sexta-feira, 1 de junho de 2012